18.1.17

VIDA MODELO JOHN CASABLANCAS - LIVRO RESENHA

Esse foi o livro em que mais demorei a ler. Eu já sabia que não teria tanta paciência para ler uma biografia, e por esse motivo decidi que seria a primeira resenha de livro do blog. A vida de John Casablancas o inventor das top models.
Tomei por meta, terminar a leitura antes do fim de ano. E hoje (28/12) o finalizei.

VIDA MODELO JOHN CASABLANCAS: AVENTURAS E CONFIDÊNCIAS DO INVENTOR DE TOP MODELS

Dados do livro:
Auto Biografia; John Casablancas com a colaboração de Ana Maria Bahiana. 
Rio de Janeiro: Agir, 2008.
408 páginas.

"Vivi uma viagem única de descobertas e glamour sem fim, de criatividade e realizações, de insolência e irreverência, de liberdade e beleza. Nada do que fiz mudou o mundo, mas que delícia que foi!"

John Casablancas


Sobre o livro (físico):
A diagramação do livro me incomodou um pouco a leitura. Fontes mudam de página para página, organização das colunas do texto.

John Casablancas em autógrafos.
A biografia:
A primeira parte, quase a metade do livro, se passa na infância e juventude de John. A falta de interesse nos estudos e altos e baixos com sua família tradicional aristocrata espanhola, a dada importância excessiva  a amores e aventuras.
Mesmo estudando em internatos, grandes instituições de vários países, seu maior prazer era aventuras e paixões. Paixões as quais, sempre modelos e mulheres lindíssimas que o fizeram conhecer o início da vida das primeiras modelos em Paris.

Quando jovem, tentou abrir empresas de diversas áreas, mas sem sucesso, até que por meio de um amigo, veio ao Brasil trabalhar para a Coca-Cola. Assim se casando muito jovem e tendo sua primeira filha.
Precisou retornar a Europa e não demorou muito para que ele voltasse a vida noturna e as lindas mulheres.
Nesse tempo conheceu mais a fundo o mundo das grandes modelos e pelo sua visão foi convencido por um amigo a se tornar agente e criar sua primeira agência a Elysse 3. 
Não obteve muito sucesso, mas ainda com a ideia fixa e muito trabalho criou a Elite. 

Com a Elite, conseguiu se tornar o número um, a partir de Paris e assim abrindo para EUA e Brasil. 
A descoberta de grandes modelos, as top models, como a mais reconhecida atualmente, Gisele.
Concorrência e processos com outras agências, impulsionaram o nome da Elite em seus 30 anos de carreira como agente e mente brilhante em festas. 


Finalizando:
A vida de John foi marcada por muitas aventuras, mas ele estava destinado a essa profissão. Após 30 anos vendeu suas ações e se aposentou  da Elite, mas se manteve no mundo da moda em outros projetos. John ainda torcia pela marca criada por ele, mas vários escândalos envolvendo festas regradas a bebidas e drogas acabaram muito com a reputação dos diretores da agência, que foram vendidas as suas unidades mundo afora.  

Minha opinião:
Metade do livro, em que relata sua infância e juventude é cansativo. Devido a diagramação, não consegui manter um bom ritmo de leitura. A metade a diante, onde começa de fato a criação das agências e competições de mercado o livro melhora muito. 
Já o fim do livro, o autor trás algumas opiniões sobre algumas modelos e fala como vive atualmente com sua família.

O livro descreve com detalhes a disputa de poder e mercado do mundo das tops models e top agências, fale a pena a leitura no sentido de se conhecer um pouco mais sobre essa temática tão escondida e prostituída pela imprensa mundial.

Black Kisses.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Será um prazer ler seu comentário. Volte sempre! Mil beijos!!!